Ação Civil Pública para definir situação dos alunos do Thiers Cardoso

Facebook Whatsapp Twitter
Quarta-feira, 22 de agosto de 2018
Anuncie no Ururau | Contato
Logo

Cidades

Ação Civil Pública para definir situação dos alunos do Thiers Cardoso

Estudantes ficarão sem aulas até a decisão do magistrado

Facebook Whatsapp Twitter Google+

19/03/2018 às 16h54 20/03/2018 às 20h27 Redação

Ururau/Arquivo
Estudantes não foram aceitos pela comunidade escolar do Ciep da Lapa e voltaram para suas respectivas casas, sem aulas

Compartilhe essa notícia!

Facebook Whatsapp Twitter Google+
Os alunos do Colégio Estadual Doutor Thiers Cardoso, em Campos, continuam sem aulas até que a situação seja resolvida e o Estado encontre outro local para os estudantes. Na última quinta-feira (15/03), os estudantes não foram aceitos pela comunidade escolar do Ciep da Lapa e voltaram para suas respectivas casas, sem aulas.

Segundo a coordenadora geral do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe) Campos, Graciete Santana, uma ação pedindo solução por parte do Estado quanto à situação dos alunos já foi protocolada pelo Ministério Público (MP) no juizado da Infância e Juventude e aguarda a decisão do magistrado.

Graciete explicou que o MP acolheu a denúncia do Sepe, dos pais e juntou essa a outros documentos que já havia em 2017. Nesta ação recente, o MP teria pedido para que o Estado providencie salas, nos moldes de contêineres, com ar-condicionado, para que esses alunos sejam alocados; ou alugue um prédio para abrigar os estudantes.

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

Santana disse ainda que pais e alunos estão resistindo e que nesta segunda-feira (19/03), dos 1.080 alunos pertencentes à instituição, apenas 100 compareceram ao Ciep da Lapa e cerca de 60 pais foram ao local para pedir transferência de seus filhos, no entanto, não a fizeram já que segundo a coordenadora, por ordem da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc), a matrícula já está fechada em todo o Estado para as turmas de sexto ao nono ano e ensino médio.

“O próximo passo agora é aguardar pela decisão judicial, para que o Estado tome uma providência com relação ao atendimento desses alunos e seus pais. Os alunos querem o espaço que é deles e não jogados a Deus dará”, mencionou Graciete. O Thiers Cardoso possui 15 turmas de manhã; 10 na parte da tarde e outras 13 no turno da noite.

Por meio de nota o Ministério Público informou que o prazo ao Estado é de 5 diais. "A Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Infância e Juventude de Campos propôs uma Ação Civil Pública em face do Estado do Rio de Janeiro  perante a Vara da Infância e Juventude com o fim de que seja determinado ao Estado que providencie, no prazo de 5 dias, instalações  adequadas na quadra da do Colégio Doutor Thiers Cardoso a fim de que as aulas  temporariamente sejam ministradas na própria  sede do Colégio.  A ação  proposta busca ainda que seja determinado ao Estado  que promova, em caráter  emergencial  , os reparos necessários nos pavimentos  principais da escola  com o intuito de encurtar ao máximo  o período  de ocupação  da quadra da escola para ministrar aulas".

TRANSFERÊNCIA

CONTINUA DEPOIS DO INFORMATIVO

No início desta semana, pais e alunos voltaram a ocupar o pátio do Thiers Cardoso, localizado no Parque Tarcísio Miranda, quando questionaram a possibilidade de a escola fechar em função das reformas e não concordaram com a transferência dos alunos para uma unidade escolar em local distante.

Em nota, a Seeduc informou na última terça-feira (13/03) que o colégio não será fechado. Ainda em nota, a secretaria esclarece que a escola foi interditada temporariamente para reforma e melhorias e que estudos estão sendo realizados para o remanejamento dos alunos e da equipe pedagógica para unidades escolares próximas e com capacidade para atender a demanda.

Fonte: Ururau


Aviso importante: a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash etc) do Portal Ururau não é permitida sem autorização e os devidos créditos e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismo de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com o Portal Ururau para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato através do email: parceria@ururau.com.br
Logo
Todos os direitos reservados - Ururau Copyright 2008 - 2016 Desenhado e programado por Jean Moraes

Poxa! Você usa bloqueadores de anúncios :(

Produzir matérias com qualidade demanda uma equipe competente e comprometida com o bom jornalismo. A publicidade é o único meio de viabilizar e manter nossos serviços ofertados gratuitamente aos nossos leitores. Colabore conosco adicionando o http://www.ururau.com.br como exceção de sites permitidos.

Clique aqui e saiba como adicionar o Ururau como site permitido!

Já fiz isso Fechar aviso